Síntese da reunião de apoio à população de Cabo Delgado

Síntese da reunião de apoio à população de Cabo Delgado

Decorreu no dia 1 de junho, na Câmara Municipal de Cascais, uma reunião sobre a campanha de solidariedade para com as populações vítimas do terrorismo em Cabo Delgado, Moçambique. Estiveram presentes o presidente da Câmara de Cascais, Carlos Carreiras, presidente da Cruz Vermelha Portuguesa, Francisco George, presidente da ONG Sim (Solidariedade Internacional de Moçambique), Carmo Jardim, presidente da ONG Helpo, António Peres Metelo, e o Secretário-geral da UCCLA, Vitor Ramalho.

Na reunião foi dada informação sobre as diligências formais seguidas, junto das instâncias competentes do governo português, para obtenção da autorização para a angariação, bem como do vídeo divulgado, por todos os canais da RTP, referidas as verbas transferidas e, face ao encerramento da conta criada para o efeito, dar a referência que se iria proceder finalmente ao encaminhamento do valor apurado para a Cruz Vermelha Portuguesa para esta, por sua vez, o alocar à Cruz Vermelha Internacional - destinatária final a quem competirá adquirir os bens para a população de Cabo Delgado.

Na sessão, Carlos Carreiras referiu que a autarquia iria apoiar as ONG`S com 10000 euros, com destino à mesma população de Cabo Delgado, e Francisco George reiterou que a Cruz Vermelha Portuguesa iria afetar 50000 euros à Cruz Vermelha Internacional com o mesmo propósito.

Anúncio das transferências feitas para a conta aberta para esse efeito, no Millennium BCP, destinadas ao apoio às populações de Cabo Delgado, Moçambique - valor angariado de 6.028,10€.


Notícia relacionada:
Cascais ajuda deslocados de Cabo Delgado

 

 

 

 

 

Publicado em 01-06-2021