Inauguração da exposição “Liberdade - Portugal, lugar de encontros”

Exposição “Liberdade - Portugal, lugar de encontros”

No ano em que se assinalam os 50 anos do 25 de Abril, a UCCLA em parceria com o Centro Cultural de Cabo Verde (CCCV) e a Embaixada de Cabo Verde em Portugal, inaugurou a exposição “Liberdade - Portugal, lugar de encontros” no dia 8 de fevereiro, na UCCLA, e no dia 15 de fevereiro, no CCCV.


Vídeo da inauguração da exposição na UCCLA

Vídeo da inauguração da exposição no CCCV

Fotografias das inaugurações

Fotografias da exposição na UCCLA

Fotografias da exposição no CCCV


A exposição:

Com curadoria de João Pinharanda, a exposição pretende dar voz à expressão artística propiciada pela conquista da Liberdade em Portugal. Com o 25 de Abril de 1974 e o fim da Guerra Colonial criaram-se condições para uma multiplicidade de encontros.

Na seleção curatorial de João Pinharanda são-nos apresentados 28 olhares artísticos contemporâneos, oriundos dos países que se expressam oficialmente em língua portuguesa. Estes artistas têm em comum o facto de terem tido ou ainda terem em Portugal um lugar de encontro e trabalho, que pode não ser central nem determinante no seu olhar, mas que não deixa de ser um laço, com a restante realidade artística. A manifesta pluralidade de perspetivas decorre não só da diversidade de origens geográficas e das vivências pessoais, que moldaram a respetiva sensibilidades e criatividade individual.

A mostra assume-se como uma exposição de cruzamentos e de encontros, daqueles que partiram e regressaram, dos que chegaram e ficaram, ou partiram de novo, ou nunca mais regressaram… Mas todos eles olharam para Portugal e registaram um encontro em imagens; ou olharam, a partir de Portugal, para os seus próprios mundos. Fizeram-no com Liberdade criativa e crítica, oferecendo-nos peças de um puzzle que outros artistas completarão e que nós próprios somos chamados a completar.

De destacar as múltiplas as técnicas utilizadas na produção das peças expostas, que incluem pintura, serigrafia, fotografia, escultura, azulejo e tapeçaria. 

As obras presentes permitem-nos viajar à descoberta de um mundo onírico e de criatividade onde se percecionam muitas das influências que inspiraram estes artistas e as respetivas gerações, com especial destaque para a expressão da liberdade e do espírito anticolonial, as influências espirituais ou religiosas, as influências culturais e literárias e as questões relacionadas à identidade. 


A entrada é livre.

 

Lista de artistas expostos:

Abraão Vicente
Alexandre Farto aka Vhils
Alfredo Cunha
Ana Marchand
Ângela Ferreira
António Ole
Carlos Noronha Feio
Cristina Ataíde
Emília Nadal
Eugénia Mussa
Fidel Évora
Francisco Vidal
Gonçalo Mabunda
Graça Morais
Graça Pereira Coutinho
Herberto Smith
Joana Vasconcelos
José de Guimarães
Keyezua
Manuel Botelho
Mário Macilau
Nú Barreto
Oleandro Pires Garcia
Pedro Chorão
Pedro Valdez Cardoso
René Tavares
Vasco Araújo
Yonamine


 

Moradas:

UCCLA - Avenida da Índia, n.º 110 - Lisboa
CCCV - Rua de São Bento, n.º 640 - Lisboa

 

Horários:

UCCLA - 8 de fevereiro a 10 de maio de 2024
Segunda a sexta-feira, das 10 às 18 horas

CCCV - 15 de fevereiro a 15 de abril de 2024
Terça a quinta-feira, das 12 às 19 horas; sexta e sábado, das 13 às 20 horas
 


Ficha Técnica

 

Curador - João Pinharanda


Produção - Raquel Carvalho

 

Parceiros institucionais:

Câmara Municipal de Lisboa
Comissão Comemorativa 50 anos 25 de Abril
Comissão Temática de Promoção e Difusão da Língua Portuguesa dos Observadores Consultivos da CPLP

 

Apoios:

Benogue 
Innovarisk / Hiscox seguros de arte
Quinta das Bágeiras


Media partner:

LUSA
RTP


Agradecimentos:

Atelier Joana Vasconcelos
Cristina Guerra Contemporary Art
Fundação Carmona e Costa
Galeria 111
Galeria 3+1 Arte Contemporânea
.insofar art gallery
MAAT - Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia
Monitor
MOVART
Projecto Afroport - FCT, CEsA/ISEG - ULisboa
This Is Not a White Cube
Vhils Studio

 

 

 

Publicado em 26-01-2024