Gestão automatizada do tráfego em Maputo

Gestão automatizada do tráfego em Maputo

A cidade de Maputo (Membro Efetivo da UCCLA), em Moçambique, vai criar um sistema de gestão automatizada de tráfego rodoviário com o objetivo de combater infrações, como a passagem de semáforos com sinal vermelho, estacionamento irregular, condução em excesso de velocidade, uso do cinto de segurança e do telefone.
 
O sistema de equipamentos para a monitoria da circulação inclui, entre outros, câmaras de vigilância nos cruzamentos e ao longo das estradas, sala de controlo devidamente apetrechada e unidades móveis dotadas de mecanismos de comunicação, e será usado conjuntamente pelo Município, Polícia de Trânsito, Instituto Nacional dos Transportes Terrestres e o Serviço Nacional de Salvação Público, os bombeiros.
 
Para além de fazer o registo de infratores, o sistema será utilizado na gestão do tráfego rodoviário no seu todo. Permitirá, por exemplo, a regulação dos semáforos por forma a possibilitar a circulação nas vias que estiverem mais congestionadas.

 
 
 
 
Publicado em 26-08-2016